“Amor” é definido de tantas maneiras que até é associado a coisas erradas, e é porque a humanidade não sabe o que é realmente o verdadeiro amor, o amor sobre o qual a Bíblia nos fala.

Poderíamos dizer que amar é fazer caridade, dar a vida por uma nação, proteger um ser querido, podemos estender este artigo dando muitos outros exemplos, mas o que é realmente o amor? A Bíblia nos diz que é possível fazer o que precede e ainda não temos amor.

Se o amor não é nada disso, então o que é o amor? A carta do apóstolo Paulo aos coríntios nos fala claramente sobre isso:

4 O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha.

5 Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor.

6 O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade.

7 Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

8 O amor nunca perece; mas as profecias desaparecerão,
as línguas cessarão, o conhecimento passará.

1 Coríntios 13:4-8

De acordo com os versículos anteriores, podemos ver que o amor vai além de nossas ações, é algo que nasce de dentro de nós, você não pode dizer que tem amor e ter inveja, se vangloriar, maltratar, apenas pensar em si mesmo, se irritar com outros, guardar rancor, etc.

Como podemos dizer que amamos a Deus e não amamos o próximo? Bem, como João diz, como podemos dizer que amamos a Deus a quem não vemos e odiar nossos irmãos a quem vemos? O verdadeiro amor é mostrado amando o próximo, não buscando o nosso próprio bem, mas o dos outros. Lembre-se de que temos a maior demonstração de amor na cruz, a Cristo dando a vida por pecadores que não mereciam nada de bom.

Veja nosso ultimo video

¿Pueden cantantes famosos recién convertidos tomar oportunidades de una vez?

This article has 1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *