A permanência do amor, a fé e a esperança

O capítulo 13 da primeira carta de Paulo aos Coríntios é um grande sermão sobre o amor. O que é o amor? Acho que nunca chegaríamos ao pleno significado do amor. Muitos definem o amor como dar aos pobres, lutar pela pátria e muitas outras coisas, mas, quando lemos esta carta do apóstolo, nos damos conta que nem mesmo essas coisas são a expressão máxima do amor.

A palavra amor vem de uma palavra latina que significa “paixão”. Na verdade, sentimos paixão por muitas coisas, mas na verdade isto não significa que somos pessoas que mostram o amor de Deus. O amor é algo que sequer pode até ser bem definido, e é por isso que João diz: “Deus é amor”. É que o conceito de amor é tão espiritual que isto é o que pode ser terminado dizendo: “Deus é amor”.

No livro já mencionado, o apóstolo fala de uma série de obras como dar aos pobres, ser sacrificado, ter dons, etc., mas ele diz: “Se eu não tenho amor, não sou nada”. É inútil ter inúmeras boas qualidades e fazer boas obras se ao final, o amor do Pai não estiver em nós.

Muitas vezes perdemos o sentido do que é realmente o mais importante e nos inclinamos mais para outras coisas menos importantes que o amor de Deus, e é exatamente por isso que Jesus diz: Nestes dois mandamentos a lei é resumida: “Amarás o Senhor teu Deus acima de todas as coisas e teu próximo como a ti mesmo”. Finalmente, a lei se resume no amor.

Paulo fala para os coríntios:

Assim, permanecem agora estes três: a fé, a esperança e o amor. O maior deles, porém, é o amor.

1 Coríntios 13:13

Nós devemos ser cristãos cheios de fé, crentes de que Deus existe, cristãos cheios de esperança, sabendo que nos foi prometida uma cidade celestial, mas acima de tudo, devemos ser crentes cheios de amor, porque, se não temos amor, é útil para nós ter a fé que move as montanhas e seria inútil crer simplesmente nas suas promessas; em vez disso, amar, que o amor de Deus permanece para sempre e está acima de todas as coisas.

Peçamos a Deus que nos ajude a sermos crentes cheios de amor, porque o amor cobre multidões de pecados.

Você também pode estar interessado em:

9 comments on “A permanência do amor, a fé e a esperança

    1. Amém obrigada meu senhor Deus por tudo lhe dou glória pó seu amor incondicional por mim e minha família em nome de Jesus Cristo meu senhor.

  1. Obrigado meu Deus peekaboo tua imensa misericórdia e amor por nós. Realmente amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo devem sempre ser os dois dois mandamentos que estão acima de tudo. Te amo e te louvo Senhor e agradeço pela tua bondade para conosco, pois ao mandar Jesus, meu Senhor e Salvador, para sofrer aqui na terra e nos perdoar dos nossos pecados foi demonstrado o Teu grande amor por nós Pai. Glória a Deus Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amém!

  2. Nós tem que ter amor usar os outros como Deus ensina porque sem amor não agrada a Deus por quê crente que crê no amor a fé e a esperança sem esses três nós não é nada o amor é muito importante por isso que Deus fala ame uns aos outros como Deus deu seu único filho por nós este é um grande amor que Deus mostrou para nós permanece sempre no amor amém

  3. Amém! Obrigado meu Deus por tudo e principalmente pelo amor que tens por nós dando seu único filho Jesus para nos salvar de nossos pecados. Deus é amor e devemos amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo. A Ti toda honra e toda glória agora e sempre Louvado seja Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, Amém. Te amo e te adoro Jesus de todo meu coração 🙏🙏

  4. É o que faço todos os dias da minha vida peço à Deus que me fortaleça na sua fé e meu amor por Deus ALTÍSSIMO seja maior do que tudo em mínha vida para sermos generoso e digno da sua misericórdia rezemos ao SENHOR Jesus Cristo amém e Boa noite

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *