Religiosidade em nossos dias

Um certo escritor disse: “A Bíblia sofre mais de seus crentes do que de seus oponentes”. E é que realmente hoje nossos oponentes não ressoam tão fortemente quanto aqueles que “acreditam” na Bíblia”.Honestamente, é uma pena ver tudo o que está acontecendo nas redes sociais, e é que existem milhares e milhares de pessoas compartilhando vídeos de pregadores que, sem entendimento e conhecimento do Senhor, falam coisas sem sentido, fazendo muitas proibições sobre coisas que a Bíblia nunca proíbe.

Hoje muitos tem tomado a atribução de dizer o que eles acreditam que é pecado como se fossem deuses. A Bíblia é a única palavra que tem o poder de nos dizer o que é certo e o que é errado.

O legalismo prevalecente está tirando muito território como igreja e devemos pôr fim a isso. Precisamos levar a Bíblia para saber qual é a boa vontade de Deus. Lembre-se do apóstolo Paulo quando ele escreveu aos gálatas:

11 Irmãos, quero que saibam que o evangelho por mim anunciado não é de origem humana.

12 Não o recebi de pessoa alguma nem me foi ele ensinado; ao contrário, eu o recebi de Jesus Cristo por revelação.

Gálatas 1:11-12

A primeira coisa é que Paulo deixou claro para os gálatas que o Evangelho que ele havia pregado a eles não era algo inventado pelo homem, não era baseado em emoções ou supostas revelações superficiais, mas sim no evangelho que Paulo havia recebido por Cristo.

Em que evangelho você decidiu acreditar? Você acredita no evangelho legalista que você ensina hoje, onde você diz coisas que a Bíblia não diz? Ou você acredita no evangelho da Bíblia?

É o tempo de que em nossas igrejas lembremos o verdadeiro significado da graça de Deus, do amor de Deus, do evangelho de Jesus Cristo, que tiremos o véu e que paremos de pregar todas aquelas coisas que não são o evangelho.

Você também pode estar interessado em:

1 comment on “Religiosidade em nossos dias

  1. If you haven’t seen this movie yet and you like comedies, be sure you download it.
    Business owners find the digital quality for product
    catalogues or brochures, students employ cameras for their projects along with
    cameras generally in most recent mobile phones, a child can take simple
    and publish it instantly for the web. Thus, you must try and inculcate this is of patience of their minds even with the initial stage of teaching music.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *