Tu és o Deus da minha salvação

Esse salmo foi escrito pelo salmista Davi, reconhecendo que no Senhor está a salvação. Portanto, ele pede a Deus que o ajude em seu caminho e o guie em Sua verdade.

É por isso que vemos as palavras desse grande homem de Deus dizendo: “Tu és o Deus da minha salvação”. Desde sua eleição, Deus sempre acompanhou o salmista.

Essas são palavras que mostram um homem grato pelo que Deus fez em sua vida, reconhecendo o poder e a maravilhosa misericórdia de Deus.

Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação; por ti estou esperando todo o dia.

Salmos 25:5

“Ensina-me a tua verdade e guia-me”. Como filhos do Senhor, devemos sempre pedir a Ele que nos guie em Seus caminhos, que nos ajude a permanecer Nele, pois sem Ele não podemos dar passos seguros e firmes.

Davi, como rei do povo de Israel e nomeado por Deus, tinha que continuar pedindo ao Senhor e tentar fazer tudo o que Deus lhe ordenava. Podemos ver que, no final do versículo vinte, ele diz “guarda-me e guia-me, para que eu não seja envergonhado”.

Oremos humildemente ao Senhor para que nos guie em Seus caminhos. Não nos esqueçamos de que Ele é o Deus de nossa salvação e que em Seus caminhos estamos seguros. Em cada jornada de nossa vida, que Ele nos guie.

...
O Senhor se rirá do ímpio
Pobreza e afronta virão ao que rejeita a correção

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.