Nos erguemos e estamos firmes

Nos erguemos e estamos firmes

Em quem nós confiamos? Cada pessoa neste mundo confia em algo ou alguém, todos nós depositamos nossa confiança em algum tipo de esperança, mesmo que no final fracassemos ou saiamos vitoriosos. Um grande exemplo é a história do Titanic, seu criador confiou tanto em seu gigantesco navio que ousou dizer: “Nem mesmo Deus pode destruí-lo.” Mas, para sua surpresa, a confiança que ele tinha em seu navio foi destruída. Então, volto e pergunto: Em quem é nossa esperança colocada? Confiaremos nos poderosos carros do Egito ou confiaremos no Senhor? Será que confiaremos em nós mesmos ou confiaremos em Deus?

Ao longo da história da humanidade, muitas pessoas souberam colocar sua confiança em políticos, em altas personalidades, em atletas, em seus cônjuges, e muitos deles foram traídos e sua esperança foi precipitada, e isso criou que eles acabassem sendo altamente deprimidos e perdendo a confiança em tudo o que acontece a eles no caminho. Talvez você que esteja lendo este artigo tenha passado e, em algum momento da sua vida, tenha descoberto que não sabe o que fazer ou em quem confiar.

No entanto, a Bíblia nos fala de uma pessoa chamada Deus, a qual, se depositarmos nossa confiança Nele, Ele nunca nos decepcionará e tal esperança não se irá precipício, porque Deus não mente, nem quebra suas promessas.

O salmista Davi sabia como confiar em Deus quando disse:

7 Alguns confiam em carros e outros em cavalos,
mas nós confiamos
no nome do Senhor, o nosso Deus.

8 Eles vacilam e caem,
mas nós nos erguemos e estamos firmes.

9 Senhor, concede vitória ao rei!
Responde-nos quando clamamos!

Salmos 20:7-9

Davi está dizendo que todas essas pessoas confiam em coisas que no final acabamos desapontados, vacilam e caem, mas nós, aqueles que depositamos nossa confiança em Deus, apesar de estarmos no meio do caminho, nos recuperamos com nova força, nos elevamos como a águia, somos renovados e bebemos da fonte da água da vida no meio do deserto. As aflições não são nada para nos desmoronar, a maré não é alta o suficiente para nos destruir, o processo não é amplamente forte para nos atrapalhar, as flechas não são poderosas o suficiente para tirar nosso fôlego, a espada não pode nos cortar, porque a nossa confiança, a nossa esperança, a nossa força e a nossa vida são confiadas a um Deus poderoso e benevolente.

Oh querido amigo, querido e amado leitor, nosso Deus salva aqueles que confiam Nele, nosso Deus ouve os aflitos, Ele nunca nos abandona e em nossa hora mais difícil podemos confiar Nele plenamente, porque mesmo que não possamos vê-Lo, Ele está nos protegendo, nos amando, nos abraçando e nos dizendo: “Não temas, eu estou contigo”.

Deus não ignora o clamor dos oprimidos
Abençoem, e não os amaldiçoem