Apressa-te a mim, ó Deus

Eu, porém, estou aflito e necessitado; apressa-te por mim, ó Deus; tu és o meu auxílio e o meu libertador; Senhor, não te detenhas!

Há momentos nas nossas vidas que são mais duros que outros, e nos levam a duvidar até do nosso Senhor, nos colocam à frente de um muro sem saída, e olhamos para todo o lado e não conseguimos ver para onde vamos sair.

É por isso que devemos ter em conta que quando nos encontramos em certas situações, que não têm saída, que o nosso Deus está aí para nos ajudar, Ele se apressará a dar-nos a liberdade que tanto esperávamos.

Eu, porém, estou aflito e necessitado; apressa-te por mim, ó Deus; tu és o meu auxílio e o meu libertador; Senhor, não te detenhas!

Salmos 70:5

Estas palavras são as de um homem que sabia que se não recorresse ao Senhor pela liberdade, os seus inimigos poderiam atacá-lo e tirar-lhe a vida. A ele chegaram aflições, e grandes dificuldades, mas diante de tudo o que ele tinha em Deus, a confiança em Deus era maior do que tudo o que o rodeava.

O salmista sabia muito bem que a ajuda de Deus viria em qualquer momento, e é por isso que no versículo que vimos anteriormente ele disse “Ó Senhor, não te detenhas”.

Nesse momento, o salmista pode ter tido temor das pessoas à seu redor, mas nunca deixou de confiar que o seu libertador viria em breve para o libertar.

Irmãos, quão bom é quando nos dirigimos ao nosso Deus, mesmo quando vemos todos os problemas, não nos soltemos porque vemos que a corda esté no último fio. Deus é o nosso ajudador e Ele se apressará a ajudar-nos.

...
Dou graças e louvo a Deus pelo que Ele me deu, quer seja pouco ou muito
Você está cansado? Deus lhe dá força

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.