En avril 2020, um peregrino arrastou milhares de pessoas em Puerto Plata, na República Dominicana, dizendo que Deus havia dito para ele enfiar uma cruz nas águas de Puerto Plata, e que dessa maneira o vírus pararia no dia seguinte. No entanto, os casos de contágio na República Dominicana estavam aumentando e se esperava aumentar ainda mais para todas as pessoas que se reuniram na referida cruzada em violação ao confinamento.

Depois disso, o governo dominicano falou em implementar um “cordão epidemiológico” ou, em vez disso, tomar medidas preventivas nesta cidade onde a cruzada foi realizada na qual milhares de pessoas (crianças, homens, mulheres) acompanharam o peregrino por cerca de 18 quilômetros.

A verdade é que que foi tarde demais para tomar decisões por parte do governo, porque, você pode imaginar todos os possíveis contágios que começaram com essa reunião multitudinária? Isso tudo faz parte da ignorância das pessoas, já que a maioria dos que estavam reunidos ali acreditavam nas palavras desse homem, alguns até pediram que ele tocasse sua cabeça para serem sarados.

Não é a primeira ou a última vez que veremos casos como esse; precisamos apenas pedir misericórdia a Deus para que as pessoas conheçam a verdade de Cristo e entendam que somente em Jesus há esperança e vida plena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *