Um certo escritor disse: “A Bíblia sofre mais de seus crentes do que de seus oponentes”. E é que realmente hoje nossos oponentes não ressoam tão fortemente como aqueles que “acreditam” na Bíblia. Honestamente, é uma pena ver tudo o que está acontecendo nas redes sociais, e é que existem milhares e milhares de pessoas compartilhando vídeos de pregadores que, sem entendimento e conhecimento do Senhor, falam coisas sem sentido, fazendo muitas proibições sobre coisas que a Bíblia nunca proíbe.

Hoje muitos dizem que “o que eles acreditam é pecado” como se fossem deuses. A Bíblia é a única palavra que tem o poder de nos dizer o que é certo e o que é errado.

O legalismo predominante nos está tirando muito território como igreja e devemos acabar com isso. Precisamos levar a Bíblia para saber qual é a boa vontade de Deus. Lembremo-nos do apóstolo Paulo quando ele escreveu aos gálatas:

11 Irmãos, quero que saibam que o evangelho por mim anunciado não é de origem humana.

12 Não o recebi de pessoa alguma nem me foi ele ensinado; ao contrário, eu o recebi de Jesus Cristo por revelação.

Gálatas 1:11-12

A primeira coisa é que Paulo deixou claro para os gálatas que o Evangelho que ele havia pregado a eles não era algo inventado pelo homem, não era baseado em emoções ou supostas revelações superficiais, mais bem no evangelho que Paulo havia recebido. por Cristo.

Em que evangelho você decidiu acreditar? Você acredita no evangelho legalista que é ensinado hoje, onde dizem coisas que a Bíblia não diz? Ou você acredita no evangelho da Bíblia?

É o tempo que em nossas igrejas lembremos do verdadeiro significado da graça de Deus, do amor de Deus, do evangelho de Jesus Cristo, que removamos o véu e que paremos de pregar todas aquelas coisas que não são o evangelho.

Veja nosso ultimo video

Oración para cuando estás afligido

This article has 1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *